De Povos Indígenas no Brasil

Noticias

Sete Cidades integra Rede Nacional de Trilhas

14/12/2018

Autor: ICMBio

Fonte: ICMBio - http://www.icmbio.gov.br/



Sete Cidades integra Rede Nacional de Trilhas
14 de Dezembro de 2018, 16h23

Parque Nacional de Sete Cidades já tem 17 km de trilhas sinalizadas.

O Parque Nacional de Sete Cidades, localizado no Piauí, finalizou a implementação da rede nacional de trilhas nas suas principais estradas de acesso (portão norte e portão Sul) ao centro de visitantes e administração. De acordo com Waldemar Justo, chefe do Parque, a sinalização na unidade de conservação segue os padrões estabelecidos pela Portaria Conjunta no 407/2018 (Rede Nacional de Trilhas de Longo Curso e Conectividade) e pelo Manual de Sinalização de Trilhas do ICMBio.

A Logo com o formato de "bota" e uma pintura rupestre no meio denominada sítio do camaleão, e é encontrado no Parque Nacional de Sete Cidades onde representa a sinalização da unidade. "A sinalização foi uma maneira de garantir uma melhor orientação aos visitantes. Atualmente, o Parque encontra-se com 17 km de trilhas sinalizadas, porém agora será sinalizada toda a área de uso público da unidade", afirma o chefe da unidade.

O Parque Nacional de Sete Cidades foi criado em 8 de junho de 1961. Fica no município de Piracuruca, no norte do Piauí, e protege cerca de 7 mil hectares de Caatinga. É famoso pelas formações rochosas que, separadas entre si, parecem formar pequenas "cidades". Cada uma delas tem suas cabeças de índio ou de Dom Pedro I, Tartaruga, Arco do Triunfo e o que mais sua imaginação possa "definir". Há também pinturas rupestres de cerca de 6.000 anos, conhecidas internacionalmente.

http://www.icmbio.gov.br/portal/ultimas-noticias/20-geral/10136-sete-cidades-integra-rede-nacional-de-trilhas
 

Las noticias publicadas en el sitio Povos Indígenas do Brasil (Pueblos Indígenas del Brasil) son investigadas en forma diaria a partir de fuentes diferentes y transcriptas tal cual se presentan en su canal de origen. El Instituto Socioambiental no se responsabiliza por las opiniones o errores publicados en esos textos. En el caso en el que Usted encuentre alguna inconsistencia en las noticias, por favor, póngase en contacto en forma directa con la fuente mencionada.